Mamoplastia Redutora

Os seios ideais são aqueles que ficam proporcionais ao corpo e não prejudicam a saúde postural. Mulheres com seios muito grandes podem ter problemas na coluna, o que atrapalha a realização das atividades diárias. Com a mamoplastia redutora, os seios da paciente se tornam proporcionais ao seu corpo, o que melhora a sua qualidade de vida. A cirurgia de redução das mamas também é conhecida como lifting das mamas, plástica das mamas ou cirurgia das mamas.

Indicações para a mamoplastia redutora

Mamas muito grandes e pesadas

Mamas desproporcionais que causam desconforto

Contraindicação

A mamoplastia não deve ser feita em mulheres muito acima do peso, pois boa parte da mama é composta por gordura que pode ser eliminada com uma dieta balanceada e exercícios físicos. A paciente não deve ter menos de 16 anos, idade em que a formação da mama se completa.

Como é feita a mamoplastia

Existem quatro tipos de incisão que podem ser feitas para a diminuição dos seios: a incisão em forma de T (com o corte na aréola e na vertical abaixo da aréola), em L, I ou em torno do desenho da aréola. Através dessa incisão, os excessos de glândula, gordura e pele são eliminados.

Pré-operatório

Antes de fazer a cirurgia é necessário realizar uma mamografia, além de outros exames. A paciente também será orientada a interromper o uso de medicamentos a base de ácido acetilsalicílico (Aspirina, Doril, AAS etc.), que aumentam a possibilidade de sangramento.

Anestesia

Geral, peridural ou local com sedação.

Duração da cirurgia

De duas a cinco horas.

Tempo de internação

Na maioria dos casos é de 24 horas.

Pós-operatório

A retirada dos pontos é feita de sete a dez dias após a cirurgia. Para a melhor cicatrização, a paciente deve ficar em repouso por no mínimo 15 dias, e evitar movimentos bruscos nos primeiros 20 dias.

O uso da malha cirúrgica é imprescindível para ajudar na sustentação, bem como a utilização correta dos medicamentos e cremes prescritos pelo médico. As sessões de drenagem linfática manual auxiliam na eliminação de líquidos que causam inchaço e desconforto.

Mesmo que a paciente engravide, os resultados do procedimento são mantidos, desde que ela continue usando a malha cirúrgica e controle o ganho de peso.

Algumas pacientes podem ter perda temporária da sensibilidade nos seios.

Sem comentários ainda.

Escreva um comentário!

Comentário